[DEBATE] Com propositura da vereadora Jô Oliveira, CMCG promove audiência para debater regulação de vagas no Sistema Público de Saúde do município

Na última quinta-feira (9), através de propositura da vereadora Jô Oliveira (PCdoB), a Câmara Municipal de Campina Grande promoveu Audiência Pública para debater a regulação de vagas no sistema público de saúde do município. A proposta surgiu após visitas a alguns hospitais da cidade, que também foram acompanhadas por outros vereadores da Casa, e em decorrência de apelos da população que muitas vezes tem dificuldade em conseguir vagas nos hospitais públicos.

A audiência contou com a presença do secretário de saúde do estado da Paraíba, Geraldo Medeiros; o secretário de saúde do município, Filipe Reul; o secretário executivo de saúde do município, Gilney Porto; a promotora de justiça de saúde em Campina Grande, Adriana Amorim; o diretor do Hospital da FAP, Derlópidas Neves; o diretor do HU, Mário de Oliveira Filho; o representante do Hospital João XXIII, Felipe Gadelha; o diretor do Hospital de Trauma de Campina Grande, Sebastião Viana Filho; a direção do Hospital das Clínicas, na pessoa de Jhony Bezerra, além de representantes do Conselho Municipal de Saúde do município, UPA’s e outras unidades de atendimento em saúde.

Na ocasião, cada direção de hospital explanou sobre a sua realidade e sobre as dificuldades encontradas nesse processo de regulação de vagas, e foi possível apontar alguns encaminhamentos importantes para que se busque solucionar essas questões: um deles é a questão do orçamento, e nesse sentido também é necessário discutir a pactuação entre os municípios, para que não aconteça como em muitos casos, onde Campina Grande acaba arcando com um gasto desproporcional se comparado ao conjunto dos demais municípios pactuados. Outras questões, como a criação de um centro de regulação estadual, também foram citadas como possíveis encaminhamentos.

Segundo a vereadora Jô Oliveira, autora da propositura da audiência, a ideia é que o diálogo continue entre todas as esferas envolvidas nesse processo de regulação de vagas no sistema público de saúde, em prol de buscar soluções efetivas para esse e outros problemas relacionados ao atendimento de saúde em Campina Grande.

“Sabemos que não é possível que no breve tempo dessa audiência pudéssemos sair com soluções concretas para esse problema, mas esse momento foi um ponto de partida, onde pudemos ouvir as pessoas envolvidas, secretários de saúde, direções dos hospitais, conselho de saúde… e visualizar caminhos possíveis. Que esse diálogo possa continuar, e possa ser ampliado também com outras pessoas envolvidas na pauta, e que a partir disso se construam soluções, de forma coletiva, para resolver esse e outros problemas relacionados a saúde de nosso município. A população campinense precisa da garantia do acesso a esse direito, de forma efetiva e eficaz.”, destacou a vereadora.

Assessoria
Fotos: Josenildo Costa/CMCG

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s