[GIRO INTERNACIONAL] Como Portugal saiu de pior país da pandemia no início do ano, e agora é referência entre os Estados europeus? Por – Louise Beja

Vamos falar de um verdadeiro exemplo de cidadania que Portugal vem nos dando nos últimos meses com a pandemia da covid-19.

Bandeira de Portugal

Quando a pandemia iniciou em Portugal, já era Março de 2020, estavam todos animados com a retomada das aulas nas Universidades, e tudo que envolve as tradições acadêmicas portuguesas. Foi quando da noite para o dia, as instituições de ensino mais respeitadas do país começaram a suspender as aulas presenciais, e tudo virou de ponta cabeça, entrou-se em um lockdown total que durou exatos dois meses.

Nesse momento as cidades viraram verdadeiros desertos, não se via ninguém na rua, as pessoas estavam realmente respeitando as restrições estipuladas pelo governo, e foi aí que ficou nítido o exercício de cidadania da população, em pensar no coletivo e em cumprir as regras. Todos estavam em suas casas fazendo o distanciamento social, evitando aglomerações, para que o Sistema Nacional de Saúde (SNS) não superlotasse. Enquanto isso no Brasil, a população aproveitava os últimos momentos do carnaval, e ignorava completamente o fato de que toda a Europa já se encontrava isolada/fechada para conter o novo Corona Vírus.

Bonde em rua de Lisboa durante pandemia de Covid-19 em Portugal
Foto: Rafael Marchante/Reuters (31.out.2020)

Passado esse período, Portugal ao final de Maio de 2020 reabre aos poucos, e a atividade comercial é retomada, as tão sonhadas “férias de verão” chegam, e as pessoas aos poucos começam a sair e a viajar. Nesse período houve uma variação do número de casos e de mortes, mas ainda assim, a situação do Sistema Nacional de Saúde (SNS) ficou controlada.

Em dezembro de 2020 o governo afrouxou as restrições no natal, permitindo que as pessoas se encontrassem, e foi logo após esse tempo o que o país ficou em seu estado mais crítico, chegando a ficar no ranking de país mais atingido pela pandemia em termos de extensão e território – a taxa de infecção por covid-19 mais alta da União Europeia: 1.429,43 por 100 mil habitantes, e a taxa de mortalidade mais elevada do bloco europeu: 247,55 por milhão de habitantes (Fonte: BBC NEWS BRASIL, 2021).⁠

Paciente com Covid-19 chega a Funchal, na Ilha da Madeira, depois de ser transferido de um hospital em Lisboa, em foto de 29 de janeiro de 2021 — Foto: Duarte Sa/Reuters

Embora o plano de vacinação estivesse atrasado, as terras lusitanas conseguiram ter uma reviravolta no curso desse caminho, e mais uma vez o governo português entra em confinamento, agora restringindo voos diretos indo para o Brasil, ou do Brasil para Portugal. A ideia em si, além de diminuir o número de mortes e casos, era conter que a variante amazónica chegasse até o território.

O ano de 2021 começou triste para os portugueses, mas agora se mostra como um dos países que melhor vem combatendo a covid-19, no que diz respeito aos índices de morte e número de casos. Saiu do topo de mortes a nível mundial, para ZERO mortes em três meses. Foi possível verificarmos a incidência da doença cair de 1,4 mil para 67 para cada 100 mil habitantes — e atualmente o país vive um momento de otimismo e reabertura gradativa.⁠

Tudo isso se deu devido ao investimento nas vacinações, aos lockdowns rigorosos neste período de inverno europeu, e ao fechamento das fronteiras no intuito de reduzir o risco de novas variantes não só do Brasil, mas também as do Reino Unido e da África do Sul. É válido destacar ainda, que além das políticas públicas instituídas pelo governo no tocante a essa matéria, o empenho e comprometimento da população para o cumprimento das regras, foi algo crucial para o sucesso das mesmas. Viu-se um verdadeiro exemplo de cidadania entre a população portuguesa.

crédito: PATRICIA DE MELO MOREIRA

 A vacinação por sua vez, ainda sofre com os mesmos atrasos que a União Europeia. Entretanto, nesta terça-feira (11/05), Portugal atingiu a marca de quatro milhões de doses da vacina contra a Covid-19 aplicadas em todo o território, no momento 14% da população adulta está totalmente imunizada contra o vírus, enquanto 36% dos adultos receberam ao menos uma dose do imunizante, conforme relata o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

O secretário de Estado da Saúde, Diogo Serra Lopes, celebrou a rapidez da campanha de vacinação nas últimas semanas: “Foram precisos mais de dois meses a inocular o primeiro milhão de vacinas, 33 dias para o segundo, 19 dias para o terceiro e, agora, vemos que chegamos aos quatro milhões em apenas 14 dias”, declarou o representante do governo (Fonte: Agora Europa).

Portugal – O Dr. António Sarmento foi o primeiro vacinado contra a COVID19 no país

Nesta última semana, os dados apresentados pelo Centro Europeu de Controle de Doenças, revelaram que Portugal se mantém como o país com menos morte na União Europeia, e o segundo com menor índice de casos. Tais dados revelaram ainda que a incidência de 14 dias da covid-19 em Portugal foi mais elevada na faixa etária entre os 14 e os 24 anos. Porém, a mais baixa voltou a ser a de pessoas com mais de 80 anos (Fonte: Público PT, 2021).⁠

Ainda em meio ao caos gerado pela pandemia, o país enviou ao seu parceiro brasileiro um lote de medicamentos para ser utilizado em pacientes internados com Covid-19. De acordo com o comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros, tal medida atende a um pedido de ajuda feito pelo próprio Ministério da Saúde brasileiro. As terras tropicais ultrapassam a marca de mais de 400 mil mortos por Covid-19.

Louise Amorim Beja
Colunista Giro Internacional

                                                               

Nenhum pensamento

  1. Quando todos se juntam no mesmo propósito! Tem tudo pra dar certo 🙌 nós brasileiros precisamos urgentemente se unirmos para ter êxito, para salvar vidas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s